Mensagens

A mostrar mensagens de Novembro, 2007

O meu primeiro Press Tour

Imagem
Alguém disse outro dia quer ser jornalista equivalia a fazer voto de pobreza. O que se esqueceram de me dizer foi que mesmo sendo pobre, o jornalista faz vida de rico!!!



Lá fomos nós para Viseu, a Exma jornalista da Evasões (Mi) e a sua digníssima acompanhante (eu). Fim de semana de luxo, com tudo pago em hotel 5 estrelas, passeios a termas, desportos radicais, visita e experimentação nos melhores restaurantes, safaris pelas montanhas, passeios a cavalo, tentativas de golf e tudo regado com champanhe, lanchinhos e regalitos!
O hotel de 5 estrelas era castanho. E no jantar, para cortar o gelo, a Mi pergunta aos outros jornalistas da nossa mesa “Então e o que é que acham do castanho?”. Felizmente, depois desta pergunta e nos dois dias seguintes, todas as conversas foram bem mais interessantes e a comunidade de jornalistas e de acompanhantes fez-se uma só, unida e divertida!
Conhecemos ex-combatentes da Nova que agora são jornalistas e gostam do que fazem, o que nos acalenta sempre uma ce…

Vi a Vi e vou para Vi!

Imagem
Quantas pessoas nos deixam saudades? As mesmas que depois nos trazem lembranças, e nos deixam com ainda mais saudades...

Vamos directos ao assunto: ontem estive com a Vanessa, sim a Spencer do Juama de Juan Manuel, que viveu comigo em Siena.. a Vi!Da última vez que estivemos juntas foi na Piazza e foi também a última vez que vi a Piazza... E agora cá estamos, o destino voltou a unir-nos! Tipo assim à novela da TVI! Mas sim, estamos ambas a viver e a trabalhar em Lisboa. Ahá! Aqui vem a segunda notícia do post: eu tenho um trabalho! Um sr trabalho! No departamento de Comunicação de uma senhora empresa! Mas na verdade só começo dia 12 de Dezembro, depois de voltar da Itália..e pronto, agora a situação está a ficar descontrolada, novidade atrás de novidade! Pois é, terça-feira vou para Milão, de Milão para Torino ver a Carla e a Neuza, de Torino para Siena, de Siena para Nápoles com o Antonio e o Manuele (aqueles meus amigos que têm nomes bem portugueses mas são italianos, ou melhor, são …

Faço minhas as palavras do Billy Joel

Quem é que nunca ouviu falar nas Brumas de Avalon? Quem é que nunca imaginou essas névoas místicas envolvendo as sacerdotisas nos seus círculos mágicos da lua e do sol?

Foi uma bruma mais ou menos mística (isso depois depende da perspectiva) que nste Domingo envolveu o micro-ondas da minha cozinha de Lisboa.
Mas antes de desenvolver este acontecimento, é necessário recorrer a uma pequena analepse sobre um outro evento, não menos místico: há alguns anos atrás, eu e a Neuza estávamos na minha cozinha de Faro a fazer croissants para o lanche. Eis se não quando, o signo fumo começa a emergir da torradeira significando o significante fogo ( e por isso é que a minha professora de sistémica sempre enfatizou que a dita cuja “torradeira é mais estúpida que o termóstato!!!). Mas nesta altura eu ainda não sabia o que era a sistémica e desconhecia igualmente os triângulos e quadrados semióticos de Peirce e do Saussure. Aliás, nesta altura, a minha certeza era apenas uma: “Neuza! A torradeira está a…

Qual é o ponto?

Imagem
Hoje vou partilhar, vou buscar ao arquivo, vou copiar, vou colar e vou perguntar:



Qual é o ponto?

O ponto cruz perdeu-se nas suas linhas de pensamento e já mais avistou o ponto de chegada. Tudo indica que é um mistério sem ponto-chave.
“Mas porquê” – Perguntou o ponto de interrogação.
Os rumores que correm dizem que ele caiu num ponto negro, mas o ponto de vista, que é sábio e experiente, não vê essa história com bons olhos e é proeminente no seu julgamento: a culpa é do ponto fraco que como sempre se acobardou!
O acusado logo diz que o ponto alto também não esteve à altura, mas este defende-se alegando que não cabe na cabeça de ninguém!
Sobra o ponto forte que não pode ir resgatar o ponto cruz porque está a testemunhar no divórcio do ponto e vírgula.
O ponto da situação não está com boa cara e lança um olhar depreciativo ao ponto de ebulição, o qual se evapora, desvanecendo-se no ar antes de poder dizer fosse o que fosse.
As atenções viram-se então para o ponto de partida que não deve…

"Boa tarde, quer uma pergunta?"

Imagem
Primeiro Festival de Telheiras!
Fim-de-semana de 10 e 11 de Novembro. Organização: irmã da Mi e amigos em colaboração com o comércio local e a Câmara Municipal.
Participação: moradores, bandas convidadas e amiga da Mi de Algés, que vem de longe para dar a sua contribuição ao evento!

Comigo no papel de amiga de Algés, eu e Mi montámos, com reforços de familiares da segunda, um belo bazar da tralha onde vendemos desde roupa até aquelas prendas de Natal Liiiiiiiindas que todos os anos alguém nos dá, passando pelas Umas Aventuras que acompanharam a nossa infância e ainda as aventuras dos 7 e dos 5, que acompanharam a infância dos nossos pais. Essa foi aliás, a venda do dia: 20 livros dos 5 e dos 7 de uma só assentada! Afinal ainda há gente com iniciativa neste país!
Mas a iniciativa mais original foram as nossas caixinhas das perguntas e respostas!!! Quer uma pergunta??! Quer, claro que quer, força! Tire uma! “A que sabe o sorriso?” “A que sabe a água que corre quando cantas no duche?” “Qua…

Momento Sex and the City

Imagem
Um dia destes li no blog da minha amiga Inês (www.opontodoi.blogspot.com) um post sobre o café. O café que não é cheio, nem pingado, nem italiano, nem com natas, nem com paus de canela. O café que é culto, sem saber nada. O café ritual, aquele que é conversa, que é gargalhada, com amigas, com dramas, com fofocas, com planos, com elaboradíssimas teorias e profundas reflexões!

Bebemos um café desses no Domingo depois do Halloween, em Faro. Desfalcadas, sem Carla nem Tania C. (uma está em Itália outra estava no Brasil, e assim se vê logo que só podiam ser minhas amigas!), mas sempre fazendo reviver o coffee spirit!
Suse, Bi, Tania, Guity et moi, saboreámos um verdadeiro momento Sex and the City no café da Penha.
Eu sou a Carrie Bradshaw , com um bocadinho (muito pequenino) de Samantha Jones e cada uma pode escolher a sua personagem porque na verdade são sempre as nossas aventuras e as nossas estórias que pautam o guião.
Havia de facto uma imensidade de conversa a pôr em dia! De Itália ao B…

Halloween Sevilhano + festa à la mode de Cordoba

Imagem
Começo por dizer que o título deste post daria um belo pacote turístico (em promoção)!
Viajens é comigo mesmo e então se estou em Faro porque não ir a Sevilha que é já ali, passar o Halloween e visitar o Miguelito, um dos meus ex house mates!



Como não conseguiu comprar sangue falso, o Miguelito fez uns rabiscos com tinta num unfirome verde de enfermeiro e pintou-se na cara até ficar mesmo feio invertindo assim toda a essência da maquilhagem! Ai s eo Louis Viton visse como ele aplicou o lápis preto e o meu batton vermelho da Helena Rubenstein! Mas ficou um médico carniceiro perfeito! E no fimd a noite té encontrámos uns cérebros e um corção dentro de uns frascos (informações veridicas que s epdoem confirmar nas fotografias). Eu tteoricamente ia de bruxa. Mas na prática só tinha o risco um pouco mais exagerado do que o costume, uma aranha desenhada pelo Miguel, uma teia de aranha no cotovelo (pelo emsmo autor) e mais outra aranha que mais parecia uma tartaruga, apesar de ele estar a copia…