1...

Estava aqui delirante com o primeiro ouro Olímpico do Brasil em futebol, estava aqui a vibrar com as ginastas espanholas e com o basquete que somou a medalha 17 para as terras dos Borbón, quando me lembrei de ir procurar quantas medalhas tinha ganho Portugal.
Não vi  nada nas notícia, sim vivo em Espanha, mas eles também vão comentando os logros alheios e momentos marcantes das olimpíadas protagonizados por não espamhóis, principalmente nos últimos 10 segundos do apartado do desporto.
Fui então à maior fonte de sabedoria que conheço:
Google- medalhas Portugal jogos olímpicos – procurar...
Resultados: Uma medalha de bronze. Total de medalhas: 1.
Acabou-se o delírio. Foi um grande balde de água fria, gélida, dessa que se infiltra nos ossos e os faz estremecer.
Tenho 3 amigos que ganharam medalhas olímpicas. Três.
Portugal com os seus 11 milhões de pessoas não conseguiu produzir mais que um medalhista?!
É certo que este ano fomos campeões da Europa em futebol pela primeira vez e que trouxemos 5 medalhas dos europeus de atletismo. Mas por isso mesmo caraças, mais uma razão para ficar desiludida com o resultado! Ou a falta de resultados neste caso.
Procurei a lista de medalhas por país e, se por um lado fiquei aliviada que ainda há uns bons 50 países com 0 medalhas, por outro, choca-me que um país chamado Baréin, do qual a minha humilde ignorância nunca tinha ouvido falar, tenha conseguido 2 medalhas. O dobro que Portugal!
E depois o corridinho desmedido de medalhas dos americanos, com 121! Que barbaridade!
O segundo país com mais medalhas é a China com 70, quase metade dos EUA. Que se pensarmos bem é uma coisa que não faz sentido: 90% da população norte-americana é obesa. De onde raio é que sacam tanto desportista de elite?
E nós, saudáveis e pobres, portanto também não temos dinheiro para extravagancias gastronómicas (daí a nossa tradição em medalhas de atletismo), trouxemos um bronze. Em judô. 
Uma medalha e mais nenhuma.

O que, muito provavelmente, explica a ausência de notícias sobre as medalhas de Portugal. 

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Só uma vez, para variar...

Episódios da vida real