Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2016

Até já!

É do conhecimento geral a parca veracidade das imagens que vemos nas redes sociais, sejam snaps, insta posts ou fotos do perfil do Facebook. Paira sempre a sombra dos milagres do photoshop, a bendição dos mil filtros e a magia do contouring.  A engradar o engodo ainda temos o silicone nos lábios, peitos e rabos, a jogo com as extensões de pestanas e cabelo mais as boas das unhas postiças. O combo é tal, que parece que hoje em dia qualquer pessoa tem o tempo, os recursos e os conhecimentos técnicos para produzir um editorial da Vogue. Facto é que as fotos enganam. Sim. Muito. Sejam as da Vogue ou as do instagram da vizinha do lado. Ok... Mas então e os perfis do Linkedin? Os perfis do linkedin, que supostamente é uma network laboral séria, que uma pessoa utiliza para encontrar trabalho, são a maior blasfémia de todos os tempos! Coisa para ir à fogueira! Quem diz que é executive account é secretária, quem diz que é coordenadora de uma equipa de Formula 1 é menina do paddock, quem diz…

Já não há amores perfeitos

Imagem
Soam os tambores, ecoam os memes no instagram, escorre a tinta nos jornais e nas revistas, enche-se o facebook de comentários.  Uma catástrofe foi anunciada publicamente: a Angelina Jolie pediu o divórcio do Brad Pitt. Esse amor metafísico com feições de ONG, que todos testemunhámos durante anos, chegou à meta e perdeu tanto a física como a química. É um rombo forte, principalmente se considerarmos o rol de razões que alegadamente provocaram a separação: infidelidade, drogas e álcool. Seria um excelente nome para um filme, mas na vida real é só triste e pouco alentador para quem ainda não se casou. Se o Brad Pitt enganou a Angelina Jolie, restam poucas esperanças de fidelidade para o resto de nós, pobres mortais. É como se o príncipe tivesse enganado a Cinderela com uma das irmãs feias. Como se o Rei Leão tivesse um affair com uma tigresa. Como se o Jack tivesse estado a dormir com outra enquanto o Titanic se afundava. Admito que fui sempre team Jennifer, que nunca superei verdade…

Ainda não estou preparada para o fim do Verão

Aquele momento em que o vento volta a soprar frio e os dias vão desaparecendo cada vez mais rápido. La vem o edredom de penas outra vez, aconchegar os lençóis. Vestir-nos transforma-se num drama porque tudo o que tenha manga larga está para lá de inacessível, em algum canto fora de época. E valha-nos Deus para encontrar um par de botas no mar aberto de sandálias. E o guarda-chuva? O guarda-chuva depois do Verão é um caso perdido. Como um conhecido que um dia deixámos de ver e de quem nunca mais soubemos nada. Com certeza voltaremos a encontrá-lo quando menos esperarmos e, provavelmente, quando menos precisarmos também. Mais uma coisa para comprarmos, além de botas, roupa quente e casacos que, infelizmente, são muito mais carosd que os vestidos de alcinhas e os shorts. Devia haver um subsídio extra de Inverno/Fim do Verão. É preciso comprar guarda-chuvas, a roupa é mais cara e a depressão é um risco muito maior. Há gente que gosta do frio e das golas altas e de ficar em casa a ve…

Só uma vez, para variar...

Vi uma gota de água cair do teto da casa de banho. Não dei importância até sentir as gotas a caírem-me na nuca, enquanto estava sentada na retrete. Que agradável não é? O que começou sendo uma chuva molha parvos, rapidamente se transformou num forte aguaceiro, impossível de parar. Principalmente à uma da manhã. Acreditem, eu tentei de tudo: colei pensos higiénicos nos pontos de desague e montei uma tenda com o edredom para criar uma espécie de guarda-chuva, fofo e gigante.  Esforços em vão, que resultaram num desses momentos de frustração em que desejávamos mesmo ter um homem em casa. Até que nos lembramos (porque o senhorio nos diz ao telefone), que podemos cortar a água.   No dia seguinte, descobrimos que a caldeira estava rota. Perdia água por todos os tubos, o que tinha formado ali um tsunami que continuou a cair em toalhas e alguidares durante o fim-se-semana. Ontem vieram trocar a caldeira. Cheguei às 9 da noite do trabalho e pude constatar que já não caía água. Tudo sequinho. …