Food diaries

Fui pela primeira vez a uma nutricionista e foi uma decepção.
Primeiro, porque não me receitou nenhuma dieta com quinoa e tofu, rompendo assim as minhas expectativas e, segundo,  porque me disse para evitar brócolis. Brócolis que eu me vangloriava aos sete ventos de comer, principalmente ao telefone com a minha mãe. Porque gosto e sempre gostei de brócolis. Pois diz que não, que faz muito bem mas que é propício a provocar gases.
Outra coisa que me desmoralizou bastante, porque eu achava mesmo que estava a fazer corretamente, foi quando me disse para não comer saladas à noite.  Sempre ouvi dizer que ao jantar se devia comer leve e uma salada parecia-me a opção ideal. Não é. Devemos evitar crus e fruta à noite. 
Fruta senhores! 
Quantas noites os meus pais nos obrigaram a comer fruta depois do jantar, queriam porque queriam meter-nos nem que fosse uma tangerina pela goela abaixo e, afinal, também está mal. Portanto este Natal já sabem,  depois do jantar só bolos!
E as frutas sempre descascadas. Mas quem é que tem tempo para isso?
Limitar o uso de tomate e da cenoura, que são os meus legumes preferidos juntamente com aspargos e palmitos (e brócolis!).
Posso comer pão. Mas não posso comer as minhas barrinhas de aveia e mel, que estão na secção bio-extra-saudável do supermercado e vêm num packaging todo super diet fit. Andava eu convencidíssima de que era a coisa mais saudável que comia e ela destruiu o meu castelo de sonhos. Falou-me daquilo como se fosse o Belzebu dos açúcares, por causa do mel. Como se comer uma barrinha fosse pior que comer um pote de Nutella à colher (coisa que já nem me atrevi a dizer-lhe que comia, depois do escândalo das barrinhas de mel).

E foi isto. Comam devagar, não bebam muita água durante as refeições e evitem falar muito, ou "acaloradamente", para as cordas vocais não atrapalharem o esófago no processo de digestão. 
Agora é fazer um diário da minha alimentação durante 10 dias e mandar-lhe por email, juntamente com dicas sobre Lisboa e o Algarve que diz que nunca foi e quer conhecer... 

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Episódios da vida real

Só uma vez, para variar...

1...